Izabella Pavesi

Poesias iluminadas/ Versos / Contos / Crônicas / E-books e Fotografias

Textos


O homem solitário


O homem solitário rema pelas calmas águas do lago,
Vai sulcando a água resiliente...
Com o dia ensolarado ele se rejubila.
Seu é o Universo,
Pois que as barreiras invisíveis ele já transpôs.
Ele e seus pensamentos...
Seus pensamentos e ele.
Conhece a vida, o pesar, a terra, o gozar.
Conhece das lidas o fardo...
Das gentes, as entrelinhas...
Dos rostos, os subterfúgios.
Conhece a queda brutal e as lágrimas,
Vagou na tempestade, caminhou por abismos.
Mas, ele rema avante.
Ele segue a vida confiante.
Já não carrega pesos.
Só serenidade.
Tornou-se resiliente como as águas doces do lago.


__________________________________________

                                                                         IZABELLA PAVESI
__________________________________________
                                                                          
 imagem: internet


Izabella Pavesi
Enviado por Izabella Pavesi em 09/12/2012
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Citar o nome do autor e o link para a obra original.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras